Archive for the 'Vozes' Category

18
nov
10

Calvin, 1/4 de século!

Claro que não é preciso falar muita coisa sobre o Calvin.

Quando ele se expressa, o faz, em geral, com precisão cirúrgica.

Só nos resta agradecer a Bill Waterson.

Em homenagem aos 25 anos do garoto, uma de suas pérolas (diretamente do @FrasesDoCalvin), cujo conteúdo é perene:

© Cartas de Tiro

08
jul
10

Belluzzianas 2

Esse negócio de ‘meiar’ é só com produção de batatas. Não tem nada de ‘meiar’” (Luiz Gonzaga Belluzzo, presidente da Sociedade Esportiva Palmeiras, ao negar uma suposta divisão do técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, para treinar o time, com quem está apalavrado, de “ameia” com a Seleção Brasileira de Futebol. Na Folha de São Paulo, de 5/7/2010).

© Cartas de Tiro

29
maio
10

“Amar e mudar as coisas (…)”

Neste momento, estou só. No agradável sábado – boa temperatura, lindas e amareladas cores – “ouço” meu auto-retrato.

“A minha alucinação é suportar o dia-a-dia/E meu delírio é a experiência com coisas reais”.

No mais, a letra integral da canção fala o que tem que ser dito.

Viver é maravilhoso.

Simples assim.

© Cartas de Tiro

11
jan
10

Verdade…

A necessidade ensina a lebre a correr” (mensagem no twitter de @prtristao, RT por @alvaresotero, postada em 7/1/2010, às 22h57).

Muito bom!

Simples. E suficiente.

© Cartas de Tiro

04
dez
09

Transitivo direto

Do blog Qualquer Coisa:

O amor deve nascer de correspondências, de excelências interiores. Espirituais, pensava. Os dois se sentem bem juntos. A vida se aproxima. Repartem-na, pois quatro ombros podem mais que dois” (Mário de Andrade, “AMAR, VERBO INTRANSITIVO”).

© Cartas de Tiro

17
nov
09

Amor no Barroco

O amor deixará de variar se for firme, mas não deixará de tresvariar se é amor” (António Vieira, “Sermão do Mandato”, pregado na Capela Real em 1645).

© Cartas de Tiro

07
nov
09

Triste fim…

A lei de ouro do comportamento é a tolerância mútua, já que nunca pensaremos todos da mesma maneira, já que nunca veremos senão uma parte da verdade e sob ângulos diversos” (Mahatma Gandhi).

Fernando Pessoa acerta quando pensamos em alguns: há quem seja uma “confederação” de “Eu” e de “Si”.

Nada. Nenhum cuidado com pessoas. Despreza-as e, muita vez, as atinge com ferocidade, pelo simples fato de discordar delas.

Trata-as e exige delas uma rigidez de conduta que não consegue oferecer.

Quem "caga regras" corre riscos... (algunstrintaanos.blogspot.com)

Ouve o que quer e como quer – portanto, não escuta.

Não enxerga, não vê. Falta-lhe o espelho.

Vai acabar só, provavelmente se afogando no próprio fel.

© Cartas de Tiro




Utilidade Pública

EFEMÉRIDE

Temas

Imagem que conta…

Siga o Cartas de Tiro no Twitter

agosto 2017
S T Q Q S S D
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

RSS Brasiliana

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Posts mais lidos

RSS Notícias

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Leitores por aí

Até o fim!


%d blogueiros gostam disto: