19
nov
09

Apetite sem fim

Para Israel não há normativos, de qualquer ordem, que façam cessar suas brutalidades e seu desrespeito a tudo o que não seja de seus interesses.

Quanto ao assunto aqui tratado, basta verificar o significado das duas faixas azuis na bandeira do estado judeu: elas representam os rios Nilo e Eufrates. Tudo o que está no meio deles é a terra que entendem deles. Deriva disso, portanto, expansionismo, novas ocupações. E que se dane o resto, pois, afinal de contas, eles se bastam.

Esclareço que o título do texto abaixo, na verdade, não me soa verdadeiro (interessa mais o conteúdo da matéria). Ao contrário, os EUA, sistematicamente, apóiam Israel, de maneira quase incondicional. Portanto, tenho sérias dúvidas se o governo Obama de fato se consternou diante da sanha dos judeus.

Não se pode perder de vista que os palestinos, aliás como dito há alguns anos por Yasser Arafat, não pedem “a Lua“.

EUA ‘consternados’ com aprovação de expansão de assentamentos

Assentamento judeu de Gilo, na região de Jerusalém

O porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, afirmou nesta terça-feira que o governo dos Estados Unidos está ‘consternado’ com a aprovação, pelas autoridades israelenses, da construção de 900 novos condomínios em um assentamento em Jerusalém Oriental.

Segundo Gibbs, a decisão ‘dificulta’ os esforços de paz e a negociação entre israelenses e palestinos.

Nesta terça-feira, ministro do Interior de Israel, Eli Yishai, anunciou a autorização do projeto para as novas construções no bairro de Gilo – localizado na área conquistada em 1967, anexada ao município de Jerusalém e reclamada pelos palestinos.

‘Estamos consternados com a decisão do Comitê de Planejamento de Jerusalém de levar em frente o processo de aprovação da expansão de Gilo em Jerusalém’, disse Gibbs.

EUA

Essa é a segunda vez em apenas dois meses que o governo do presidente Barack Obama se manifesta contra os assentamentos. Os assentamentos em áreas disputadas são considerados ilegais pelas leis internacionais – uma medida rejeitada por Israel.

Em setembro, a Casa Branca afirmou que lamentava relatos de que Israel planejava novas construções na Cisjordânia.

Segundo a mídia israelense, o governo rejeitou um pedido de Washington para o congelamento das construções em Gilo. De acordo com a imprensa, o enviado especial do governo americano para o Oriente Médio, George Mitchell, teria feito o pedido para o premiê israelense, Benjamin Netanyahu, durante um encontro em Londres na segunda-feira.

O porta-voz de Netanyahu, Mark Regev, não comentou os relatos, mas reforçou que o governo recusa em incluir as áreas anexadas a Jerusalém como parte dos esforços para atender o pedido de Obama para ‘conter’ as construções em assentamentos. Segundo ele, a ‘política de contenção’ se aplica apenas às construções na Cisjordânia.

Paz

De acordo com o correspondente da BBC em Jerusalém Tim Franks, a aprovação da construção de 900 novos condomínios em Gilo é a maior decisão sobre planejamento e construções desde que Netanyahu assumiu o cargo.

Os 900 condomínios, que serão formados por apartamentos de quatro e cinco quartos, representará uma expansão significativa de Gilo. Segundo Yishai, a construção deve começar apenas em três ou quatro anos, depois da autorização final.

O porta-voz do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, a aprovação do projeto das novas construções é ‘outro passo que demonstra e prova que Israel não está pronto para a paz’.

‘Esse passo arruinará cada tentativa – europeia ou americana – de preservar o processo de paz’, disse Nabil Abu Redeineh.

Cerca de 500 mil judeus moram em mais de cem assentamentos construídos em territórios ocupados na Cisjordânia e Jerusalém Oriental“.

A notícia é da BBC Brasil.

© Cartas de Tiro

Anúncios

0 Responses to “Apetite sem fim”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Utilidade Pública

EFEMÉRIDE

Temas

Imagem que conta…

Siga o Cartas de Tiro no Twitter

novembro 2009
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Brasiliana

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Posts mais lidos

RSS Notícias

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Leitores por aí

Até o fim!


%d blogueiros gostam disto: