23
dez
08

Constatação

Foi com imensa satisfação que li matéria de hoje, no site do UOL, que deu conta de uma pesquisa elaborada pela revista norte-americana Newsweek  (em inglês), onde ficou apontado que Lula é a 18ª dentre as pessoas mais influentes no Planeta.

Penso que o título deste post indica tudo.

É bom que se diga que, para o “estrangeiro”, a escolha, em especial, se dá tendo em vista que “Economistas temeram quando o ex-sindicalista tomou posse em 2003, mas logo puderam respirar fundo. Brasil, antes à beira da ruína, agora tem US$ 207 bilhões em suas reservas de Tesouro e a menor taxa de inflação no mundo desenvolvido. Graças à política fiscal inteligente de Lula, o Brasil está entre as economias emergentes mais saudáveis“.

Mas o símbolo da escolha tem grande relevância. Além disso, penso que os avanços ocorridos no país superam a questão meramente econômica do dito acima – em que pese a sua importância, notadamente sob a ótica global. Jamais Lula seria o que é, sob o ponto de vista de entender um governante, se ele não tivesse compreendido o todo. Nesse sentido, é bem verdade (trata-se apenas de um exemplo, mas sem dúvida singular) que, sob Lula, os banqueiros estão nadando de braçada, ainda que o Presidente lhes aplique, pela mídia em geral, célebres puxões de orelha. Mas também é bem verdade que o País tem conhecido uma muito melhor distribuição de riquezas. O abismo que separa “ricos” de “pobres” diminuiu de forma notável com o governo Lula.

Já disse isso inúmeras vezes: o homem governa para quem precisa. É, indiscutivelmente, um governo popular, com influência, pelo menos, em todo o cone sul.

Pessoalmente, me decepcionei com situações, circunstâncias que considerava inimagináveis num governo cujo titular fosse Lula. Condeno veementemente atitudes pouco republicanas que ocorreram. Mas, no final, indubitavelmente, o “caldo” é revigorante.

Por aqui, o que se tenta é desqualificar o governo e, claro, por via de conseqüência, o Presidente, um homem que, gostem ou não os “cultos”, tem a cara do povo brasileiro.

O reconhecimento de Newsweek é apenas mais um cala-boca.

Anúncios

1 Response to “Constatação”


  1. janeiro 2, 2009 às 03:19

    Caro João,

    Nossas classes mais favorecidas não engolem Lula de jeito nenhum.
    O senhorio e chicote já vão há muito introjetados dentro delas…

    E o “simplão” assuta….sim

    Vivemos em uma África do Sul turbinada onde os Afrikaners brancos sempre vão querer “o povo no lugar dele”…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Utilidade Pública

EFEMÉRIDE

Temas

Imagem que conta…

Siga o Cartas de Tiro no Twitter

dezembro 2008
S T Q Q S S D
    jan »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

RSS Brasiliana

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Posts mais lidos

RSS Notícias

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Leitores por aí

Até o fim!


%d blogueiros gostam disto: